Matheus Carcasa Web Gestão de TI / Web / EaD
Desde 2002, seus parceiros na Web.
Enviar
logo

Configurar SPF e DKIM no cPanel

MX, DKIM e SPF, mas antes eu gostaria de explicar para você o que significam essas siglas:

Se jé conheçe o conceito de DKIM/SPF e quer saber como configurar.

Se você tem CPANEL, ele não deixa alterar diretamente o MX, aqui tem um passo-a-passo.

MX: Mail exchanger –> O que permite que o servidor de envios possa realizar disparos com sua conta de e-mail.

DKIM: Domainkey –> Basicamente é uma chave de autenticação que fica disponível no servidor de DNS do seu domínio.

SPF: Sender ID –> É uma autorização para que seja possível enviar e-mails em seu nome.

Mas a verdade é que você não precisa saber disso, basta apenas saber como configurar o MX, DKIM e SPF, e feito isso você está apto para começar a disparar seus e-mails à vontade sem aquele receio: “Será que meus e-mails estão sendo mesmo enviados?”, ou também, “Meus e-mails vão sempre para a caixa de SPAM dos meus leads”.

Para deixar claro uma questão, com o MX, DKIM e o SPF devidamente configurado, seus e-mails só vão para o spam se os usuários definirem que seu e-mail é um spam, então envie e-mails com consciência ok?

Antes de iniciar os passos a seguir é preciso identificar onde configurar meu MX, DKIM e SPF?

SPF significa “Sender Policy Framework” (Sistema de Diretivas do Remetente) e implementá-lo garante uma maior entrega das suas mensagens nos provedores de e-mail, pois é uma verificação padrão de muitos serviços de e-mail e garante que você não seja marcado como SPAM.

Esse tipo de tecnologia foi criada para dificultar o envio de SPAM com nomes de domínio falso ou e-mails forjados, e apesar de trazer muitos benefícios muitos ainda não configuram o serviço de SPF e sofrem com baixa taxa de entrega de seus e-mails.

Além da tecnologia SPF existe o DKIM (DomainKeys Identified Mail) que é um sistema de autenticação utilizado para validar e autenticar o domínio do remetente, assim como também verifica a integridade das mensagens.

A tecnologia DKIM apesar de ser um pouco mais complexa que o SPF é também mais completa, porque impede o envio de SPAM com nomes de domínio falso ou forjados, e garante que o conteúdo da mensagem não tenha sido alterado durante o caminho até a caixa de entrada do destinatário.

Empresas que utilizam algum sistema de e-mail marketing já estão familiarizadas com essas tecnologias, pois são configurações obrigatórias para fazer envio de e-mail em massa.

Caso você utilize o cPanel e tenha interesse na prática de e-mail marketing pode configurar o SPF e DKIM rapidamente seguindo os passos abaixo.

Configurar SPF e DKIM no cPanel

1. Após efetuar o login no cPanel, vá até a sessão “DOMÍNIOS” e selecione “Editor de zonas avançado“.

Configurar SPF e DKIM no cPanel - Passo 12. Feito isso você terá acesso a lista “Registro de arquivo de zona“. Encontre o registro do SPF e clique em “Editar“, em seguida no campo “TXT Data” insira o include do SPF que a empresa de e-mail marketing lhe enviou antes do “-all“.

Configurar SPF e DKIM no cPanel - Passo 23. Agora precisamos adicionar o DKIM. Ainda na mesma página vamos até a sessão “Adicionar um Registro“, no “Tipo” colocamos TXT, no campo “Nome” coloque o que recebeu da empresa de e-mail marketing , em “TTL” coloque “14400” e no “Dados TXT” coloque o hash que recebeu da empresa de e-mail marketing e clique em “Adicionar Registro“.

Configurar SPF e DKIM no cPanel - Passo 3Agora que nós finalizamos a configuração do SPF e DKIM só falta testar para ver se tudo está funcionando corretamente, feito isso você já pode dar início a sua campanha de e-mail.

Essas configurações vão garantir que seus e-mails sejam entregues sempre na caixa de entrada, a menos que você utilize palavras que tenham uma pontuação muito alta de SPAM.

Existem ferramentas online que você pode utilizar para testar o SPF e o DKIM, seguem os links abaixo:

SPF – http://www.kitterman.com/spf/validate.html

DKIM – http://dkimcore.org/tools/

Fonte: secnet-com-br

Publicações relacionadas

Comments are closed.